Micropigmentação sobre pressão

Micropigmentação sobre pressão

Você sabia que a pressão da mão influencia diretamente na cor do pigmento usado na pele?  Este é um dos maiores desafios nos procedimentos de micropigmentação,pois a pressão da mão durante o procedimento é fundamental no resultado do trabalho. A micropigmentação sobre pressão significa que o melhor equipamento e o melhor pigmento não é garantia de sucesso, mas sim a pressão da mão, pois é ela que conduz a cor e a fixação. Pode-se conseguir vários tipos de tons de pele com uma única cor de pigmento, porque a micropigmentação sobre pressão é o que dita os tons na pele.

Muitos micropigmentadores ou teboristas entram em contato com a nossa página perguntando por quê os pigmentos mudam de cor dependendo do cliente.Um dos motivos é a micropimentação sobre pressão. Outro resultado afetado é o fio a fio, sendo que pressão demais esfuma os fios, enquanto pressão leve não fixa pigmento.

Mas como aprender a ter a pressão correta?

A resposta é simples: com muita prática e treino em pele sintética e em atendimentos. O profissional deve também praticar o desenho para ganhar habilidade como coordenação motora e precisão nas mãos. Com o tempo, essas habilidades vão aparecendo e os resultados melhoram. Lembre-se que a micropigmentação sobre pressão perfeita vai estabilizar seus resultados com menos retoque, cores mais lúcidas, maior retorno financeiro e economia de materiais e tempo. É uma linha tênue, pois pressão demais é ruim e pode esfumar seus traços e até mesmo gerar cicatrizes. Pressão de menos influencia diretamente na fixação e duração do pigmento na pele.

Como identificar que estou com a Micropigmentação sobre pressão perfeita?

Verifique o histórico de seus procedimentos, se está dando muito retoque ou não, os resultados de seus trabalhos têm tons diferentes ou até mesmo o tom na pele fica muito apagado mesmo sendo cores escuras. Se identificar essas respostas comece a treinar urgentemente.

 

precisão
Precisão no traço

 

 

 

 

 

 

 

 

2 Respostas

  1. Teste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *